1 de abr de 2012


ÍNTIMO AMOR UTÓPICO


Teus olhos
Queriam me encantar
Chegaram tão próximos
Veio o desejo:
Desejo de te abraçar
No abraço, as carícias.
Senti teus lábios nos meus
Teu corpo, junto ao meu estava
Minha mão correu teu corpo
Nosso amor tanto durava
    O sexo veio à cabeça
Prendi mais teu corpo ao meu
Quero que não te esqueça
    O culpado não foi eu.
Toda carícia era pouca
Ali onde se fazia amor
Tu ficaste quase louca
Já não sentia a dor.
De dores virou prazer
    O prazer foi aumentando
E agora o que fazer
Já estava acordando.


                     (Fortaleza, 1977).

Poema do livro Íntimo Amor Utópico do Poeta Lucarocas


Nenhum comentário:

Postar um comentário